Sou Coach e Agora? Como Começar a me Posicionar no Mercado?

“Geronimo, eu to começando. Fiz minha formação em coaching e agora preciso me posicionar como coach, como eu faço?”

Sou Coach e Agora?

Bora falar sobre isso!

Se liga na pergunta da Noeli: “tenho uma página no facebook com mais de 14 mil seguidores, faço trabalho comunitário, e quero começar a me posicionar como coach de carreira, como que eu faço?”

O que eu vou te falar não é só pra quem tem uma página de 14 mil seguidores, serve pra todos.  Você tem que se posicionar nas redes sociais, com seus amigos, no trabalho, tem que se posicionar com sua família, você vai ter que se posicionar como Coach. Mas como fazer isso?

Primeiro vou dizer pra você como não se posicionar, ou melhor… como eu NÃO faria. Você não deve dizer pras pessoas: “olá, agora eu sou coach”, “olá, acabei de fazer uma formação em coach.” Não faça assim. As pessoas não vão ligar.

Então qual a melhor forma de comunicar isso? Vou te falar de uma forma que apliquei pra mim e váaarios alunos do Profissão Coach usam para se posicionar como coach. É simples. Existe uma técnica de marketing chamada “seeding”. Significa semear! É quando eu começo, numa conversa, a falar de um assunto e no meio da conversa eu introduzo que eu sou coach. No Profissão Coach eu ensino várias outras técnicas de marketing para coaches para você conseguir se posicionar como coach e essa é uma das formas.

Exemplo!

Eu posso contar uma história de quando eu viajei pra fazer uma formação de coaching com o Geronimo em vitória: “esse final de semana eu fiz um curso maravilhoso, olha que foto linda de onde eu tava! Fiz um treinamento e aprendi…” Se ligou? Assim você está começando a dizer pras pessoas que fez uma formação em coaching. Sem ser direto.

O foco da conversa não é que você é coach. O foco da conversa é o que você aprendeu na formação, é o lugar lindo que você visitou no final de semana. Entende?

Outro exemplo! Imagina que você tá na sua igreja e você está num grupo de discussão sobre a bíblia. E de repente você tem algo íntegro pra dizer naquele momento. E você pode dizer: “cara, o que eu aprendi quando me formei como coach foi que isso, isso e isso”. É importante não focar em dizer que você é coach diretamente. Você deve semear entre todo mundo que você é formado.

Outro exemplo!

Você tá num jantar de família. Aí o pessoal tá falando sobre uma coisa engraçada e você fala: “caraca, essa semana eu atendi um cliente em coaching que o cara chegou tão suado, tão suado que eu achei que ele tinha tomado banho” (só um exemplo). Ou seja, a história é que o cara chegou todo suado, mas o que você semeou na conversa é que você atendeu um cliente em coaching. Se ligou?

Nessas conversas, as pessoas começam a entender que você é coach. Então, para responder a Noeli… é o seguinte, você que tem uma página com 14 mil seguidores… o que pode começar a fazer é começar a colocar postagens sobre a mesma coisa que você colocaria, só que correlacionando histórias com clientes que você atendeu em coaching. Com coisas que você aprendeu sobre coaching. Com técnicas de coaching.

Falar que você é coach fica sempre em segundo plano, não é o ponto principal. Fazendo isso que falei pra você, daqui a pouco todos saberão que você é coach, onde você se formou, etc. E o melhor de tudo, sem parecer que você está querendo passar essa informação goela abaixo. Entendeu a lógica?

É assim que você começa a se posicionar! Então comece agora a se posicionar como coach.

E tem mais uma coisa!

Depois que você começar a se posicionar como coach, daqui a pouco vai aparecer alguém querendo fazer uma sessão contigo. Então eu preparei um ebook que fala sobre o que uma sessão matadora de coaching precisa para que seu cliente se impressione!

É um e-book massa! Gratuito para você. É só clicar aqui.

Aproveita e comenta aqui pra mim uma breve história sua, depois comece a aplicar no seu dia a dia e em suas redes de comunicação, pode ser?

Um abraço
e vamooooooooo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.